Mãe morta, mãe morta, vai bater àquela porta

Um homem recebeu, durante doze anos, a pensão da mãe, que já tinha morrido. Muito justamente, o pensionista por interposta pessoa foi indiciado por burla qualificada.

O que merecerão aqueles que vivem à custa dos rendimentos dos que ainda estão mais ou menos vivos?

Anúncios
Esta entrada foi publicada em Humor, Política nacional, Sociedade com as etiquetas , , , , , , , . ligação permanente.

Uma resposta a Mãe morta, mãe morta, vai bater àquela porta

  1. Luísa diz:

    Muito justamente?! E a culpa da Segurança Social? O país está em crise há anos. A maior parte das pessoas, sobretudo quando comparando com a maioria dos países da UÉ, vive mal. Tenho a certeza de que a maioria dos portugueses a quem saísse esta sorte grande, rapidamente se transformaria em “criminoso”. Como é que se admite ao Estado tamanha desorganização?! O Estado prejudica-se a si próprio e aos seus cidadãos. É por isso que somos desgovernados, e a culpa deste desgoverno não é de cada cidadão supostamente “criminoso”, mas de quem não controla o crime, porque o ser humano é, por natureza, de aproveitar oportunidades, de se “desenrascar”.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s